My body is a cage - Peter Gabriel

Welcome to my world ♪


Follow my blog with bloglovin ♥

Sunday, May 01, 2011

A volta; Bilhete para O Ninguém


Bem, voltei. Pela segunda vez, eu sei... pela minha cabeça tinha passado a ideia de apagar o blog e deixar isto tudo para trás. Os textos seriam apagados para sempre, tanto do blog como da minha memória. Mas afinal.. quem se importaria se isso acontecesse? Ninguém.. mas também por outro lado tinha pena de o apagar e decidi não o fazer, mesmo já não tendo vontade de escrever. O Blogger apagou-se da minha mente, como se fosse uma coisa inexistente, mas na verdade, não é de todo pois nele existem milhares de textos fantásticos que nos fazem sonhar até mais não, que nos fazem delirar, suster a respiração e suspirar. Nele existem os VOSSOS textos. Peço desculpa pela minha ausência. Vou ser sincera, não desapareci completamente do blogger, de vez em quando escrevia para o meu outro blog, mas quando me fui embora, nesse escrevia quase como obrigação. Foi injusta para convosco, sei disso. Desculpem-me.
Mas há dois dias atrás senti de novo aquela saudade imensa de escrever, de esgotar todas as minhas ideias e partilhá-las com vocês, pois só vocês é que partilham a necessidade de escrever comigo. Quem não largou o blog, obrigada, obrigada mesmo, pois isso é importante para mim.
Bem, não tenho mais nada a dizer sobre a minha ida e volta. Tive saudades vossas e da vossa inspiração.
Aqui fica o último texto que fiz:

Bilhete para O Ninguém

Alguma vez sentis-te que eras a única pessoa do mundo que era incompreendida, desprezada e talvez ‘não amada’? Bem… sim, posso-te dizer que não és e tenho toda a certeza disso, porque afinal eu também me sinto assim. Sabes que mais? Mesmo sentido o que sinto acho que não vale a pena. As pessoas não merecem a importância que lhe damos, porque apesar de tudo, por vezes torna-se excessiva e de tal forma desnecessária que parece surreal, que só existe na nossa mente e é fruto da nossa imaginação. Vou-te dizer que não parece, mas que é pura realidade.

Aos humanos chamam de ‘Animais Racionais’. Racionais mas nem sempre, pois todos nós, mas todos nós nos entregamos a amizades sem valor, a paixões inexistentes, a pessoas sem alma e depois de já nos termos entregue a todo o tipo de coisas começamos a sonhar com coisas impossíveis e entregamo-nos de tal maneira a esses sonhos que passamos a maior parte do tempo com “os pés bem NÃO assentes na terra”, se assim se pode dizer.

Mas vá caro Ninguém, o mundo não é só feito de coisas negativas porque tudo tem um oposto, como se á pouco te disse nos entregamos a amizades sem valor, também existem aquelas, apesar de serem poucas, que são para o resto da vida. Que nos entregamos a paixões inexistentes, mas há outras que nos fazem arder de amor, que aceleram a nossa respiração e que connosco para sempre estarão. Que nos entregamos a pessoas sem alma, mas que depois para substituir essas milhentas vem uma e dá-nos o maior apoio, que nos mantém sempre de pé e que não nos deixam ceder qual seja o motivo.

Ninguém, tens que pensar que a vida é para ser vivida… que não nos podemos entregar á solidão, mas tal e qual, ao seu oposto. Olha, estou cansada de estar triste, tenho saudades de mostrar o meu sorriso mais livre, sincero e alegre. Vamos dar as mãos e andar por aí, sem falar para não falarmos sobre o egoísmo do mundo. Vamos apenas sorrir e andar de mãos dadas, vamos fazer a coisa mais simples à face da terra. Vamos? Bem, não vamos porque és realmente inexistente e és fruto da minha imaginação e apenas serves para me consolares quando sou só eu que me pronuncio.

Obrigada Ninguém, obrigada mesmo...

Já agora vou fazer publicidade, para voltar a grande:

O meu outro blog, Our Date, feito por mim e pelo Paulo (http://placedopaulo.blogspot.com):

E a página oficial do Blog:

Ah, e um feliz dia da mãe, bolachinhaas

23 comments:

Catarina said...

amor amor amor tas msm d volta? *oooooo*
tu disseste-me q ias usar outro tipo de blog
ai mas que feliz que eu tou xdd
assim coiso coiso mais dos teus textos pq tu nnc m mostras nada (não)
ja me tinhas mostrado este texto e ja sabes a minha opiniao. bem vinda de volta ♥

Catarina said...

nem mais :)
obrigada asério. e acho que acabaste de dizer que sou uma escritora a serio. que fofa ahah mas nem perto . ainda bem que tomaste essa decisao. assim mais gente conhece as tuas maravilhosas abilidades para escrever :b

Catarina said...

habilidades* (?)

Catarina said...

ahah pq e tipo cada parte e genero de cada dia tas a ver? xdd

Catarina said...

obgda princesa :)

Danii said...

São sim querida! Achas mesmo? $:

ana moura said...

obrigada :)**

Danii said...

Desde que me lembro, mas desde 2008 é que comecei a ter um gosto especial $:

Danii said...

Fazes muito bem :)

Danii said...

Custa perceber que a pessoa, que deveria ser a mais importante da nossa vida, é a que nos faz sentir pior, daí essas perguntas todas :s

Laura M. said...

gostei do blog. sigo *

Dommin said...

Bora :D
Estou a seguir!*

simple writer said...

oh ainda bem que voltaste minha querida :D

Soraia B. said...

Bem vinda de volta!!! :D
Finalmente.

Adorei o post :D

Ana said...

Concordo totalmente *

carol said...

ainda bem que gostaste querida*
ainda bem que estás de volta :)

yasmim said...

ohm, mesmo? *-*

PauloSilva said...

Não sou o único a escrever bem por aqui minha Times New Roman!

«odos nós nos entregamos a amizades sem valor, a paixões inexistentes, a pessoas sem alma e depois de já nos termos entregue a todo o tipo de coisas começamos a sonhar com coisas impossíveis» - Que pura verdade...

Não há muito a dizer... acho bem que voltes ao blogger com os teus bonitos textos e que vás à minha pagina do facebook meter como favorito o meu blogue que eu já fiz do teu $: ahaha , não ligues.

adoro-te coisa fofinha <3
(não preciso de te ensinar que tu já a sabes toda!)

Catarina said...

ora até parece. obrigada obrigada amorzão *-*
onde está a tua história? tu disseste que ias postá-la ontem. ainda por cima fizeste-me sofrer bue porque mostraste-me excertos e agora nao me mostras T_T

ana moura said...

que querida :) obrigada!
gostei muito*

simple writer said...

muito obrigada :D

maria inês said...

podes crer, a sorte é que é pequenino, mas mesmo assim parece que demora montes de tempo a passar -.-

e ainda bem que voltaste! :)

Daniela Gandra said...

Olá Adriana! A máquina que uso é a Lumix FZ38. :) Obrigadaaa!